Inovação Negócios Shell

Oportunidade para mulheres: plataforma 100% digital para freelancers promove equidade de gênero

Por Shel Iniciativa Jovem em 30/05/2022

Após participação no Shell Iniciativa Jovem 2019, empreendedora lança dispositivo que simplifica a contratação de mulheres da economia criativa

 

Segundo dados do FME, a paridade de gênero econômica só será alcançada em 267,6 anos e, para acelerar esse ritmo e dar mais autonomia financeira  às mulheres, foi criada a FREELAS. Uma plataforma digital que conecta mulheres e estimula o empreendedorismo feminino. A ferramenta também auxilia empresas que buscam agilidade, segurança, diversidade e representatividade na hora de contratar.

 

A FREELAS traz visibilidade ao trabalho freelancer, que acaba sendo um caminho crucial para que mulheres possam acessar oportunidades no mercado de trabalho e permanecer nele – sobretudo para mulheres mães ou mais velhas, em função do etarismo. 

 

A comunidade da FREELAS, composta 100% por mulheres, surgiu durante a quarentena da Covid-19, e desde então promove debates sobre liderança feminina, autonomia financeira e violência doméstica. A FREELAS também está alinhada com 6 ODS (Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU). 

 

 

A pandemia foi ainda mais dura com os grupos vulneráveis e, entre eles, as mulheres. Foram 8,5 milhões de mulheres que perderam seus trabalhos, segundo a Pnad, 25% a mais do que os homens. “O desejo de contribuir de forma mais ativa com a redução da desigualdade de gênero que já existia, mas, diante desse cenário, senti que não podia mais esperar, que eu precisava encontrar um caminho para transformar essa realidade”, explica a representante da Freelas, Sophia Prado.

 

A empreendedora que passou pelo Shell Iniciativa Jovem, conta como a experiência foi um divisor de águas para a FREELAS. “Foi o meu primeiro contato com o ecossistema de startups. Com isso, eu tive não só a oportunidade de me capacitar como empreendedora, mas sobretudo eu aprendi a olhar para a FREELAS como um negócio, algo que parece óbvio, mas que, comumente, é muito desafiador para quem trabalha com impacto”. 

 

Sophia Prado, representante da FREELAS

 

“Até entrar no IJ eu imaginava o ecossistema de startups como um lugar homogêneo e hostil, mas o que eu aprendi com a rede foi a força da colaboração e o quanto nós, empreendedores de impacto, somos capazes de realizar quando conectados. As capacitações, mentorias e consultorias da iniciativa são fenomenais. Nelas, aprendi coisas que aplico até hoje, mas, sem dúvida, o grande ativo do Shell Iniciativa Jovem é essa grande rede de projetos incríveis”.

 

Com o lançamento, a plataforma FREELAS quer oferecer cada vez mais oportunidades a um número cada vez maior de mulheres. O coletivo já realizou dezenas de cursos gratuitos, além de oportunidades profissionais para centenas de mulheres em todo o país, mas para a representante do projeto, Sophia Prado, isso é apenas o começo. “O objetivo da FREELAS é transformar o mercado de freelancers do país. Agora, as empresas poderão contratar e gerir freelancers de qualidade com agilidade, segurança, alinhamento de cultura, representatividade e impacto social. Com isso, nossa expectativa é, ainda em 2022, pelo menos triplicar o impacto gerado, transformando a vida de muitas mulheres e fomentando o ecossistema com boas práticas”, finaliza a empreendedora.

 

Quer saber mais? Conheça a FREELAS em www.freelasconecta.com ou nas redes sociais @freelasconecta.